Valores

Alimentando a mãe que amamenta no verão

Alimentando a mãe que amamenta no verão


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Pesquisas científicas garantem que uma mulher que amamenta deve comer e beber mais durante a amamentação. Felizmente, o estado nutricional da mãe - exceto em casos de desnutrição extrema - não interfere na capacidade de produção de leite e na qualidade do leite materno. Mas, com a chegada do verão, a dieta da mãe deve conter mais água para manter o equilíbrio hídrico.

Pode-se dizer que o bebê sempre fica com a melhor parte. Por isso, é a mulher que tem que se cuidar, caso contrário sua saúde pode ser prejudicada. Na maioria dos casos, a responsabilidade de abrigar um ser humano implica hábitos saudáveis, que tendem a perdurar também durante a amamentação.

Na verdade, para manter o estado nutricional adequado, a dieta da mãe durante a amamentação não deve ser muito diferente da que tinha quando estava grávida.

A composição do leite materno dificilmente depende do que a mãe ingere. A composição da gordura do leite se deve em parte ao que a mulher ingere. Assim, comer mais frutas e não abusar de doces não melhora a saúde do bebê, mas sim da mãe.

Há controvérsias sobre a quantidade de calorias extras que devem ser ingeridas durante a amamentação, mas o cálculo teórico sempre será diferente da realidade. Estudos apontam para uma ingestão diária recomendada de 2.700 kcal, 500 calorias a mais do que as mulheres que não amamentam.

As mães que amamentam concordam que a amamentação tem muita sede. Mas qual é o motivo? 88% do leite materno é água, portanto, a hidratação durante a lactação é especialmente importante para as mulheres, uma vez que a produção de leite aumenta consideravelmente a perda de água.

Assim, nesse período é necessário um consumo adequado de água para compensar as perdas causadas pela produção do leite materno. O Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA) recomenda que as lactantes aumentem o consumo de água, em torno de 700 ml / dia, ou seja, consomem 2.700 ml de líquidos por dia.

Mas independentemente das recomendações teóricas, uma mulher que está amamentando deve beber o que ela precisa. Nem mais nem menos. E não se force a beber uma certa quantidade, pois a crença popular de que quanto mais água você bebe, mais leite você produz é falsa. Na verdade, experimentos científicos têm sido realizados com lactantes que, durante semanas, bebem vários litros de água por dia e o resultado é a mesma quantidade de leite.

E que dúvida, o mais aconselhável e saudável para enfrentar o calor é beber água, sucos naturais ou infusões geladas, além de evitar refrigerantes açucarados e espumantes.

Susana torres

Consultora de lactação

Contribuidor do nosso site

Você pode ler mais artigos semelhantes a Alimentando a mãe que amamenta no verão, na categoria Amamentação Presencial.


Vídeo: AMAMENTANDO EM PÚBLICO SHOPPING. TESTE DO CORONATO (Dezembro 2022).